Inédito: alunos de Minas são os primeiros brasileiros a vencerem o desafio de Stanford

Alunos do curso de arquitetura da Newton Paiva vencem concurso da Stanford University O projeto de uma cadeira de baixo custo para pessoas com problemas na região lombar da coluna venceu na categoria “Chair Design Challenge”. Os alunos receberam um prêmio de US$ 7 mil Belo Horizonte, março de 2017.

O projeto de uma cadeira de baixo custo para pessoas com problemas na região lombar da coluna, desenvolvido por quatro alunos do curso de arquitetura e urbanismo da Newton Paiva, venceu a categoria “Chair Design Challenge” do concurso internacional “Design Challenge”, promovido pela Stanford University, Califórnia – EUA.

Batizada de “Biza” (bisavó), a cadeira que visa o conforto de pessoas com limitações motoras foi desenvolvida no Fab Lab do Centro Universitário Newton Paiva pelos alunos Ana Carolina Lorentz Faria, Davisson Daniel Nascimento Fonseca, João Vitor Coutinho Sapucaia e Thamara Gomes de Souza.

Para orientação dos alunos o coordenador do curso de arquitetura e urbanismo, Rodrigo Reis montou uma equipe de professores e parceiros neste projeto. São eles: o professor de Ergonomia do curso de arquitetura Geraldo Gustavo, Designer e responsável do FabLab Newton Carla Werkhaizer, coordenadora do curso de Fisioterapia da Newton Aline Cristina de Souza e Gal Rosa, terapeuta ocupacional gerontóloga e embaixadora do movimento Lab60+ em BH .

Alinhando estética e funcionalidade, a Biza tem especificações técnicas para atender idosos. Porém pode ser utilizada por pessoas de qualquer idade com necessidades especiais e que ficam muito tempo sentadas.

“O produto final foi baseado em estudos bibliográficos sobre a antropometria de idosos e em entrevistas com profissionais de saúde. Foram pontuados aspectos importantes, como um recuo para as pernas que ajuda na circulação do sangue, por exemplo.

A “Biza” tem 45 cm de altura (do chão ao assento), 90º entre o assento e o encosto e 40 cm de encosto, sendo 5 cm de espaço livre”, conta o coordenador do curso de Arquitetura e Urbanismo da Newton Paiva.

O projeto está disponível para empresas ou pessoas físicas que tenham interesse em reproduzí-lo e pode ser solicitado no FabLab da Newton, BH.

“Há poucas opções de cadeiras para idosos com mobilidade reduzida e grande parte dos modelos existentes é cara. Por isso, a proposta do projeto é atender às necessidades do público com um produto de baixo custo”, diz Reis.

O concurso Design Challenge é realizado pela Stanford University. Esta é uma das mais reconhecidas instituições de pesquisa e ensino do mundo, para incentivar estudantes a realizarem projetos acadêmicos no segmento de arquitetura e design. E que possam ser utilizados no dia a dia das pessoas.

A categoria “Chair Design Challenge” foi incluída este ano a partir de um desafio lançado por um investidor americano. Ele tem necessidades motoras especiais e que queria uma cadeira com valor acessível para pessoas com deficiência e que passam muito tempo sentadas.

Para o coordenador da Newton, participar do evento colaborou para o desenvolvimento profissional dos alunos.

“Foi um trabalho em que todos colocaram a mão na massa e ampliaram suas visões em relação ao mercado e aos problemas do cotidiano”.

Para o aluno João Vitor Coutinho Sapucaia a experiência foi única e enriquecedora. “Trabalhamos muito para desenvolver um produto que impactasse positivamente na vida das pessoas. Ganhar esse prêmio em meio a tantos concorrentes do mundo inteiro foi uma grande honra”.

Sobre o Centro Universitário Newton Paiva, com sede em Belo Horizonte (MG), tem 45 anos de história e é consagrado entre as principais instituições de ensino superior de Minas Gerais.

A instituição oferece uma ampla oferta de cursos de graduação tradicional, tecnológica e a distância, e de pós-graduação, com nível acadêmico de alta qualidade – 80% do corpo docente formado por mestres e doutores.

Conta com modernos laboratórios, centros e núcleos de prática em diversas áreas do conhecimento e programas de iniciação científica e extensão. Além da qualidade de ensino reconhecida e de privilegiar a prática, a Newton investe permanentemente no relacionamento com o mercado. Assim, firma importantes parcerias para proporcionar a seus alunos as melhores perspectivas e oportunidades profissionais, incluindo convênio e acordos com instituições educacionais internacionais.

para saber mais acesse: www.newtonpaiva.br

www.lab60mais.com.br

Recomendado para Você: